7 motivos para conhecer Tel Aviv em 2017

26 de fevereiro de 2017


Tel Aviv é um modelo mundial de tecnologia e inovação.
A segunda maior cidade de Israel é um local que dita tendências, afinal, as pessoas que moram lá não têm nada de comum. Seu estilo é pensar a frente do seu tempo.
É por isso que Tel Aviv foi classificada por diversos rankings como tendência de viagem para 2017 e, de quebra, figura em diversas listas entre as mais belas cidades de praia do mundo.

1. CUIDA DA ARQUITETURA

O Tel Aviv White City Heritage Centre (Centro do Patrimônio da Cidade Branca) será inaugurado neste ano.
Tel Aviv é um Patrimônio Mundial da UNESCO devido a sua arquitetura original, que abriga o maior número de edifícios de estilo “Bauhaus” do mundo, 4 mil em toda cidade.
A cidade decidiu inaugurar um centro dedicado a esta arquitetura, em parceria com o Governo Federal Alemão.

2. COMPARTILHA OS CARROS

Será implantado um sistema de compartilhamento de carros.
Tel Aviv adotou a perspectiva de uma cidade livre de carros particulares nos últimos anos, implementada pela primeira vez por meio do sistema de compartilhamento de bicicletas Tel-O-Fun, lançado em 2011.
Em 2017 será ativado um sistema de auto compartilhamento de carros, AutoTel, com a intenção de diminuir o número de carros na cidade.

3. ADAPTA-SE PARA INCLUIR A TODOS

A inauguração do novo Calçadão na Praia também acontece em 2017.
Tel Aviv vai terminar a reforma do calçadão na praia que foi originalmente construído na década de 70.
As reformas começaram em 2013 e incluem uma grande restauração e melhorias ao longo da costa, criando uma ponte entre a cidade e o mar. Toda a infraestrutura subterrânea está sendo substituída, aprimorada e adaptada às pessoas com deficiência.

4. CUIDA DOS ANIMAIS

O complexo do aquário de golfinhos será completamente reformado e transformado em um centro de esportes aquáticos, incluindo áreas voltadas para remo e surfe.
Em 2017, Tel Aviv despede-se de seu famoso Aquário de Golfinhos.

5. É “BIKE FRIENDLY”

A Praça Dizengoff será novamente um local para os pedestres e ciclistas.
Durante 40 anos, a Dizengoff Square, no coração do bairro da Cidade Branca, foi erguida em um nível acima da rua – resultando em um número maior de carros do que de pessoas.
Em 2017, o local passará por um grande projeto de construção, fazendo com que a praça fique no mesmo nível da rua, com a finalidade de demonstrar que os pedestres e ciclistas têm grande importância para Tel Aviv.

6. RESPIRA CONHECIMENTO

O Museu de História Natural será inaugurado.
A Universidade de Tel Aviv é proprietária de coleções raras, incluindo 5 milhões de documentos da fauna e flora de Israel e Oriente Médio de milhares de anos, que serão expostas em 2017.

7. CUIDA DA SUA HISTÓRIA

O Independence Hall será completamente reformado.
O local original onde o Estado de Israel foi delimitado, em 1948, será completamente reformado e reinaugurado.
Além disso, será inaugurada uma Trilha da Independência com estações que refletem o sionismo, a definição de Tel Aviv como a primeira cidade hebraica e a independência de Israel.

SOBRE O MINISTÉRIO DO TURISMO DE ISRAEL NO BRASIL

Presente com escritórios internacionais em 13 países e no Brasil desde 2006, o Ministério do Turismo de Israel atua na construção de relacionamento com diversos públicos com a missão de promover o conhecimento sobre o país e fomentar a curiosidade pelo destino.
A sua atuação tem o objetivo de divulgar Israel no mercado local por meio de ações com entidades, comunidades, órgãos públicos, imprensa e indústria do turismo, com foco em segurança, religião, cultura, gastronomia, aventura, lifestyle, bem-estar e tecnologia, pilares que se somam à completa infraestrutura do país para o turismo.
Para mais informações, acesse: goisrael.com.br.

0 comentários:

Postar um comentário