A menina que roubava livros!

27 de março de 2014



A-Menina-que-Roubava-Livros-poster
É difícil a gente arrumar tempo para sentar e assistir um filme, mas como este foi recomendado por meu filho Dimitri, que me disse que valia a pena,  resolvi dar uma oportunidade e assistir.
a-menina-que-roubava-livros
História: a trama se passa durante a segunda guerra mundial, o que por si só já me fez sentir uma certa tensão desde os primeiros minutos do filme e narra a chegada da filha de uma comunista, Liesel, interpretada pela linda Sophie Nélisse, a casa de um casal de alemãs que resolveram adotá-la.

 São tempos difíceis e o casal que a acolheu luta diariamente para garantir o sustento da casa.O novo pai, Hans, Geoffrey Rush, ganha a confiança da menina logo de cara com a sua simpatia e é peça chave no filme por ensiná-la a ler assim que percebe a sua curiosidade pelos livros.

 Emily Watson faz o papel de Rosa, a mãe adotiva bem mais sisuda, que ao contrário do marido sonhador é bem mais pé no chão. Ao longo do filme a relação entre as duas muda e é bacana ver o crescimento da proximidade entre elas.  

  Nos livros Liesel encontra um refúgio e uma forma de distrair a si mesma e os seus amigos. Quando não sabe mais como consegui-los, a menina então passa a roubá-los. No filme ela ainda conhece e desenvolve uma amizade por Max, Ben Schnetzer, um refugiado que fica hospedado no sótão da sua casa. 

Liesel conhece seu vizinho Rudy, Nico Liersch, que se torna uma espécie de fiel escudeiro e primeiro amor.

O filme que ainda tem uma ótima produção, conseguiu transmitir uma ótima noção do que era viver na Alemanha nazista. Vale a pena dar uma chance e assistí-lo.

0 comentários:

Postar um comentário