Sonho dos chocólatras: Rodízio de Brigadeiro faz sucesso em São Paulo

3 de fevereiro de 2017




Provavelmente você já deve ter ido a um rodízio de pizzas ou de carnes, mas nem nos sonhos você imaginou um rodízio de brigadeiro, certo?


A loja de doces Universo do Brigadeiro, em São Paulo, traz essa proposta aos seus clientes: sentar e comer as deliciosas bolinhas de chocolate até não aguentar mais. Quem vamos voltar pra casa rolando kk?



Segundo entrevista cedida ao Estadão, as irmãs Selene e Melissa Galucci, juntamente com sua mãe, Ada Calucci, tiveram essa ideia após observar que muitos clientes ficavam na dúvida sobre qual docinho escolher. Por que não acabar com a dúvida e escolher todos de uma vez?! A loja, que fica no bairro do Jabaquara, oferece 20 versões de 15 gramas do doce, entre tradicionais e gourmets.


A novidade, tida pelas empresárias como pioneira e única (pelo menos em São Paulo), vem atraindo muitos chocólatras. Segundo declaração das proprietárias ao UOL Economia, há quem se dê por satisfeito com apenas 10 docinhos, mas um cara  consumiu 90 brigadeiros em uma sentada. Que sonho, né?


O rodízio funciona apenas aos sábados, das 10 às 18 horas, e custa R$39,90 por pessoa. Mas atenção: é necessário fazer a reserva antes de chegar e se lambuzar. Entre os destaques estão o brigadeiro de capim santo, de ovomaltine e até de cerveja.


Reservas:


Horário de atendimento para efetuar reservas: 9h às 18h de segunda a sábado.
Telefone para reservas: (11) 3628-6388 (11) 2372-6281
Horário que o cliente pode utilizar essa oferta: somente aos sábados: 10h às 18h
Horário de funcionamento do estabelecimento: Sábados: 10h às 18h.
Tolerância a atrasos: 15 minutos. 
Endereço: Rua dos Buritis, 922 X Rua Cruz das Almas, 89 (casa de esquina)

Universo do Brigadeiro




Guia da Semana, http://www.guiadasemana.com.br/gastronomia/noticia/o-rodizio-de-brigadeiro-e-a-nova-febre-em-sao-paulo-saiba-onde-encontrar

Bom apetite pra vc e devore tudinho kk.


Fonte(s): UOL, Folha de S. Paulo, Estadão


             

0 comentários:

Postar um comentário